E recomeça outra vez...


Olá a todos! 
A luta parece interminável e cheia de percalços no caminho e na verdade é! Quanto mais me empenho mais obstáculos aparecem que me põem de rastos e afundam no caminho para o objectivo desejado. Cada vez que tudo parece bem e a rumar para o sucesso aparece algo que descompõe tudo. Depois de uma paragem por causa de uma constipação em pleno verão, que levou a uma amigdalite, voltei a constipar-me e fiquei mal dos pulmões. Ora, sem conseguir respirar foi quase impossível fazer exercício durante uma semana e pouco. 
O empenho mantido até então estará de volta, espero, ainda esta semana. Já estou melhor e respiro bem, os pulmões já estão bons e estou pronto para outra, embora não queira...
Os dias estão mais pequenos e cada vez apetece fazer menos, chegar a casa e descansar, frente à fogueira é uma óptima opção, mas não será assim, prometo. Custe o que custar eu vou fazer os exercícios e ficar melhor do que já estava. Vou voltar a encaminhar as coisas e seguir em frente. Sei que tenho o vosso apoio e o apoio daqueles que estão comigo. Quero atingir o meu objectivo e não ficar apenas na tentativa. Um dia irei conseguir, de preferência, sem constipações. 

5 comentários:

Luciana Kotaka disse...

Oi Anselmo, quanto tempo não tenho notícias suas. Bom saber de você, que está recomeçando seu processo. Vou ficar na torcida e se precisar de um apoio, meavise. Um bj

Mulher Atleta disse...

A receita para emagrecer é simples:

- Para emagrecer: coma 100 calorias e gaste 150.
- Para se manter: coma 100 calorias e gaste 100.
- Para engordar: coma 100 e gaste 50.
*os valores não são reais, mas sim para ilustrar o significado.

Coma o que quiser, mas gaste mais calorias do que consumiu para emagrecer.

http://mulheratleta.blogspot.com/

Beth disse...

Oi Anselmo, bom estar de novo no seu cantinho, lendo suas notícias. Sobre a luta interminável, a vida é assim em todos os segmentos, não seria diferente no que se refere ao processo de reeducação. E tudo aprimora, veja bem! Graças a Deus você já está melhor de saúde, pronto para continuar vencendo a parada. Então siga, agradecendo por estar bem e cada vez mais preparado para chegar ao seu objetivo. Beijo!

Brian L.H. disse...

Olá, Anselmo!
Recomeçar sempre, irmão português!
Muita força para todos nós!!!!

Paula Brieze disse...

Se pudéssemos ter consciência do quanto
nossa vida é passageira, talvez pensássemos duas vezes antes de jogar fora as oportunidades que temos de ser e de fazer os outros felizes.
Muitas flores são colhidas cedo demais. Algumas, mesmo ainda em botão.
Há sementes que nunca brotam e há aquelas flores que vivem a vida inteira até que, pétala por pétala, tranqüilas, vividas, se entregam ao vento.
Mas a gente não sabe adivinhar. A gente não sabe por quanto tempo estará enfeitando esse Éden e tampouco aquelas flores que foram plantadas ao nosso redor. E descuidamos. Cuidamos pouco. De nós, dos outros. Entristecemos-nos por coisas pequenas e perdemos minutos e horas preciosos. Perdemos dias, às vezes anos. Calamos-nos quando deveríamos falar; falamos demais quando deveríamos ficar em silêncio. Não damos o abraço que tanto nossa alma pede porque algo em nós impede essa aproximação. Não damos um beijo carinhoso 'porque não estamos acostumados com isso' e não dizemos que gostamos porque achamos que o outro sabe automaticamente o que sentimos. E passa a noite e chega o dia, o sol nasce e adormece e continuamos os mesmos, fechados em nós. Reclamamos do que não temos, ou achamos que não temos suficiente. Cobramos dos outros, da vida, de nós mesmos. Consumimos-nos.
Costumamos comparar nossas vidas com as daqueles que possuem mais que a gente. E se experimentássemos comparar com aqueles que possuem menos? Isso faria uma grande diferença.
E o tempo passa... Passamos pela vida, não vivemos. Sobrevivemos, porque não sabemos fazer outra coisa. Até que, inesperadamente, acordamos e olhamos pra trás. E então nos perguntamos: "E agora?".
Agora, hoje, ainda é tempo de reconstruir alguma coisa, de dar o abraço amigo, de dizer uma palavra carinhosa, de agradecer pelo que temos,(de fazer R.A. e acreditar que vamos emagrecer - sim nós podemos!). Nunca se é velho demais ou jovem demais para amar, dizer uma palavra gentil ou fazer um gesto carinhoso.
Não olhe para trás. O que passou, passou. O que perdemos, perdemos. O que engordamos, engordamos.Olhe para frente!
Ainda é tempo de apreciar as flores que estão inteiras ao nosso redor.
Ainda é tempo de voltar-se para Deus e agradecer pela vida, que mesmo passageira, ainda está em nós. Pense. Não perca mais tempo! Comece ou re-comece já sua R.A.!! Beijos e força na peruca..............