Será a melhor opção?

Resolvi hoje dar a cara aqui pelo blog depois de mais de três meses de ausência. Tenho muito para contar mas vamos por partes. Estou a entrar numa nova fase no que ao emagrecimento diz respeito. Depois de anos a lutar para emagrecer os médicos que me acompanham decidiram colocar em cima da mesa a hipótese de colocar um balão intragástrico, já que o meu peso está estável e sem oscilações maiores há cerca de um ano, ou seja, não houve descida acentuada de peso e sucessiva diminuição. 
Apesar de visivelmente nenhum dos médicos me dizer que estou com excesso de peso, o facto é que os problemas que surgem com o excesso de peso já começaram a aparecer e de modo a evitá-los parece este o caminho mais correcto a seguir. 
Não sei se é bom, se é mau. Sei que tenho dúvidas, muitas dúvidas, mas em breve terei de decidir e arcar com as consequências de tal decisão. Se por um lado me dizem que a colocação do balão servirá como incentivo, por outro tenho medo que caso o venha a fazer me deixe iludir com os seus resultados e venha depois a ficar como estou ou ainda pior. 
Este é um dos principais motivos por esta longa ausência, pois sei que a partir de agora a experiência a ser trocada não será de igual para igual e isso desanima um pouco. Continuarei no entanto a acompanhar aqueles que sempre me deram força e apoiaram em todas as minhas decisões, esperando que tal aconteça, seja qual for a decisão que agora tome. 

2 comentários:

Beth disse...

Olá amigo Anselmo! Há quanto tempo!
Posso dar palpite?
Você tem alguma co-morbidade, algo que requeira imediatismo?
Você está na estrada há um bom tempo, eu sei. Mas já avançou tanto, já emagreceu tanto. E aí, só porque já há um tempo não emagrece, será o caso de apelar para algo tão radical?
Quando você se determina, faz acontecer.
Passou uma temporada talvez numa zona de conforto/desconforto, mas não sei se é o caso de fazer algo tão drástico. Conheço muita gente que fez e depois... bom, depois não houve essa maravilha toda não. Emagreceram, alguns mais, outros menos. O incentivo tem que vir de dentro e não do balão. Mas, o que você decidir, eu estarei como sempre na torcida para que dê certo.
beijos

Mesmo não estando mais tão presente como antes, continuo compartilhando minhas notícias, impressões, dicas, pensamentos etc. no meu blog. Será um prazer recebê-la por lá! Beijos e sucesso!
Beth
http://aconquistablog.wordpress.com

30 dias 1 a 1 disse...

Olá! Que grande progresso se vê ali nas fotos abaixo. Parabéns! Cheguei só agora, mas espero que esteja tudo bem e que a decisão sobre a cirurgia tenha sido a melhor. Tudo de bom!